Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

BILHARDEIRO

Agora sem fazer grandes ZumBidos

BILHARDEIRO

Agora sem fazer grandes ZumBidos

ao contrário de ontem, hoje não chove caralhinhos...

mas jorram rios de água a rodos do céus e mais um ligeiro frio que se entranha nos ossos de um gajo de tal forma que um caralhinho dava jeito para mexer aguardente com mel e fazer umas quantas ponchas, isto tudo a modos de aquecer a alma da gente.

Este é o verdadeiro caralhinho madeirense, existem outros, alguns mais meigos e bonitos mas nem sempre tão firmes. É um utensílio muito acarinhado pelos madeirenses, principalmente os tasqueiros que o manuseiam com as duas mãos. São com eles que é feita a típica bebida madeirense, a Poncha, muitas vezes saboreada na tasca do José Maria do Vale a caminho da Serra d' Água e também em muitas tabernas na cidade de Câmara de Lobos.




Estes caralhinhos foram vistos nestes dois sítios: aqui e aqui.

5 comentários

Comentar post