Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BILHARDEIRO

Agora sem fazer grandes ZumBidos

BILHARDEIRO

Agora sem fazer grandes ZumBidos

vou votar no tio Alberto

Eu que nunca fui PPD. Eu que jamais imaginaria um dia sequer pensar em votar Alberto João. Já decidi. Quando a malta nos chamar novamente a votos eu vou no Dr Jardim o meu voto deitar. É garantido.

Foram apenas duas a três coisinhas que me fizeram mudar de ideias.

A primeira: O Funchal não precisa de um novo hospital.

Ainda bem que o tio Alberto não se deixou levar pelo facilitismo do voto sem esforço e acabou durante estes anos todos contrariando os opositores do regime.

Hoje fui ao hospital e percebi que não precisamos dum novo.

Ainda bem que o que temos é verdadeiramente deplorável.

 

Se este local está tão degradado e mesmo assim as pessoas gostam de cá vir e passar dias inteiros em sala de espera repletas de gente sentada em cadeiras desconfortáveis e muitas até têm de ficar de pé por falta de assento. Mas ficam firmes e hirtos um dia interior se for preciso.  Nem quero imaginar a correria que seria se tivéssemos um hospital novo e com cadeiras agradáveis e fofinhas, como as dos estádios de futebol.
Em segundo lugar: A malta que gosta de bola para continuar saudável tem que frequentar estádios bem confortáveis. Caso contrario um gajo depois de um jogo ia ficar completamente doentinho e acabar por engrossar as filas de espera nas salas do hospital.
E por fim: Os gajos que fingem estar doentes para ir no hospital apenas o fazem uma vez por ano e os gajos da bola precisam ir nos estádios duas vezes por semana. Até porque se tivéssemos um novo hospital os velhinhos reformados acabavam por inventar doenças todas as semanas.
Assim acabamos por reduzir despesas com a saúde.
E é por isso que o tio Alberto tem razão.
Estádio sim.
Hospital não.